Escândalos – André Luiz Gadelha

ESCÂNDALOS

André Luiz Gadelha

“Porque é necessário que sucedam os escândalos,

mas ai daquele homem por quem vem os escândalos”.

Mateus – 18: 6-11

A passagem bíblica sob a autoria de Jesus, segundo Mateus, mostra que o escândalo é razão para nos endividarmos moralmente: “…ai daquele homem por quem vem os escândalos”.

Então, o Evangelho se contradiz? Afinal, na mesma passagem, afirma-se que “… é necessário que sucedam os escândalos”.

Como escândalo, entendamos o mal. O mal jamais é necessário. O mal entristece, magoa, ofende, fere, deprime e traz toda uma gama de sentimentos ruins que obscurece a nossa alma. Desta forma, será que algo que tantos prejuízos nos traz é realmente necessário?

A humanidade, hoje, é análoga a uma criança que, mesmo diante dos apelos e avisos dos pais, movida pela teimosia, coloca o dedo numa tomada elétrica. O que acontece? Leva um choque, assusta-se e chora. Eis que lhe acontece um mal, consequência da sua imprevidência e desprezo às cientificações dos seus pais. Porem, apesar da via dolorosa de aprendizagem, ela, a partir de então, entende os males que envolvem um dedo na tomada.

Se tal criança tivesse dado valor e atenção às palavras dos seus genitores, conscientizando-se, assim, dos riscos que uma tomada oferece, não teria passado pelo dissabor da descarga elétrica.

Muitos de nós ainda somos tal como esta criança que, por não dar ouvidos aos bons conselhos do Alto, precisamos sofrer para aprender.

O Alto nos envia auxílios de várias formas. Temos o nosso anjo da guarda a nos avisar, num compromisso a prova de qualquer vacilo. Temos os amigos e parentes a nos alertar das nossas imprevidências, como a má alimentação, a velocidade excessiva no automóvel, a dedicação exagerada ao trabalho ou em relação aos cuidados com a saúde. Temos os estudos e debates nos templos religiosos. Temos as boas leituras a nossa disposição, mesmo aquelas que nada tenham a ver com religião. Enfim, avisos não faltam a ninguém.

Mas, o que fazemos? Tal como a criança que toma o choque, não nos importamos com as bênçãos que nos chegam na forma de avisos.

Evoluir é imperativo a todos nós, criações de Deus. Então, se não for por bem, que vá por mal.

É quando nos vem os acidentes, os sustos, as vicissitudes, as dificuldades, as decepções e todo o mais de coisas que nos deprime, chateia e entristece.

Então, paramos, choramos, pensamos e aprendemos. Dolorosamente, mas aprendemos.

Logo, o mal não é necessário. Nós é que o tornamos necessário em virtude da nossa ignorância e falta de vigília.

Que Jesus continue nos abençoando.

Anúncios

Obrigado pela visita! Deixe seu comentário aqui! Indique o Mensagens Espíritas a um amigo! Muita paz

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s