Preces as Crianças – André Luiz Gadelha

PRECE AS CRIANCAS

Mestre amado Jesus, irmão perfeito que tanto nos ensina em lições e exemplos, permita que tais palavras sejam dignas de chegarem ao Alto, solicitando em prol dos nossos irmãozinhos na infância da idade.

Lembramos daquelas que desconhecem as privações do dinheiro, vivendo na fartura dos brinquedos e das roupas, porém, talvez, na carência de um afago maternal ou da presença de um pai.

Lembramos daquelas que desconhecem conforto, pois necessitam aprender a lição da pobreza. Que, ao menos, Mestre, não lhes faltem bons exemplos e boas orientações de pais pobres, porem, dignos, honestos e lutadores sinceros do pouco que possuem.

Lembramos das que vivem em regiões massacradas pela guerra. Muitas, Senhor, tiveram os seus pais arrancados das suas vidas em virtude da miséria da alma daqueles que ignoram o estrago que proporcionam ao lançar uma bomba ou dar um tiro. Que ao menos, Amado Mestre, tenham o refrigério de serem acolhidas por pais adotivos que, jamais, substituirão os pais consanguíneos, mas, ao menos, aliviarão a dor da ausência.

Lembramos das que sofrem na miséria da fome, nos países em que nada há para se alimentar. Que as tristes imagens dos corpos magérrimos, mostrando o contorno dos ossos através da pele, sensibilizem a tantos quanto possam para que, de alguma forma e cada um do seu modo, possam atuar para que tal acontecimento tenha fim.

Lembramos, Mestre, dos pequeninos vitimados pelas graves enfermidades. Auxilie-as, Senhor, a superarem tais provações, dando-lhes força e resignação acima do que normalmente se vê nessas idades. Que falanges de irmãos dedicados á saúde possam conceder atenção a esses pequeninos, fazendo-os ter uma infância normal ou, se assim a lição exigir, que não faltem forças para suportar a lição até o seu final.

Lembramos das crianças maltratadas pelos seus familiares. Que tenham a sorte de serem resgatadas de tais situações. Abençoa-as com a chegada de adultos que as tratem bem, salvando-as da tortura e de qualquer forma de violência, apresentando-as, finalmente, o carinho e o amor.

Enfim, Mestre, cubra com o seu manto de bênçãos toda e qualquer criança. Que todas tenham a felicidade de contar, de alguma forma, com a tua presença nas suas vidas, ajudando-as, no que for preciso, para que se tornem adultos que virão a colaborar na construção de uma sociedade melhor, onde, em fim, as leis se resumam nas Leis Divinas.

Que assim seja.

Obrigado pela visita! Deixe seu comentário aqui! Indique o Mensagens Espíritas a um amigo! Muita paz

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s