Ultimo Folheto

images?q=tbn:ANd9GcQcmZsFCBo8N3Zvkfei1YwdmCc1rSOWk3vzdl7tOFEyLob2DIrq

Sigamos o exemplo dessa criança – evangelizemos sempre e em todo lugar!

Todos os sabados à tarde, depois do culto da manhã na igreja, o pastor
e seu filho de 11 anos saíam pela cidade e entregavam folhetos
evangelísticos.

Numa tarde de sabado, quando chegou à hora do pastor e seu filho
saírem pelas ruas com os folhetos, fazia muito frio lá fora e também
chovia muito. O menino se agasalhou e disse:

-‘Ok, papai, estou pronto. ‘

E seu pai perguntou:

-‘Pronto para quê?':

-‘Pai, está na hora de juntarmos os nossos folhetos e sairmos. ‘

Seu pai respondeu:

-‘Filho, está muito frio lá fora e também está chovendo muito. ‘

O menino olhou para o pai surpreso e perguntou:

-‘Mas, pai, as pessoas não vão para o inferno até mesmo em dias de chuva?’

Seu pai respondeu:

-‘Filho, eu não vou sair nesse frio. ‘

Triste, o menino perguntou:

-‘Pai, eu posso ir? Por favor!’

Seu pai hesitou por um momento e depois disse:

-‘Filho, você pode ir. Aqui estão os folhetos. Tome cuidado, filho. ‘

-‘Obrigado, pai!’

Então ele saiu no meio daquela chuva. Este menino de onze anos
caminhou pelas ruas da cidade de porta em porta entregando folhetos
evangelísticos a todos que via.

Depois de caminhar por duas horas na chuva, ele estava todo molhado,
mas faltava o último folheto. Ele parou na esquina e procurou por
alguém para entregar o folheto, mas as ruas estavam totalmente
desertas. Então ele se virou em direção à primeira casa que viu e
caminhou pela calçada até a porta e tocou a campainha. Ele tocou a
campainha, mas ninguém respondeu. Ele tocou de novo, mais uma vez, mas
ninguém abriu a porta. Ele esperou, mas não houve resposta.

Finalmente, este soldadinho de onze anos se virou para ir embora, mas
algo o deteve. Mais uma vez, ele se virou para a porta, tocou a
campainha e bateu na porta bem forte. Ele esperou, alguma coisa o
fazia ficar ali na varanda. Ele tocou de novo e desta vez a porta se
abriu bem devagar. De pé na porta estava uma senhora idosa com um
olhar muito triste. Ela perguntou gentilmente:

-‘O que eu posso fazer por você, meu filho?’

Com olhos radiantes e um sorriso que iluminou o mundo dela, este
pequeno menino disse:

-‘Senhora, me perdoe se eu estou perturbando, mas eu só gostaria de
dizer que JESUS A AMA MUITO e eu vim aqui para lhe entregar o meu
último folheto que lhe dirá tudo sobre JESUS e seu grande AMOR. ‘

Então ele entregou o seu último folheto e se virou para ir embora. Ela
o chamou e disse:

-‘Obrigada, meu filho!!! E que Deus te abençoe!!!’

Bem, na manhã do seguinte sabado na igreja, o Papai Pastor estava no
púlpito. Quando o culto começou ele perguntou:

- ‘Alguém tem um testemunho ou algo a dizer?’

Lentamente, na última fila da igreja, uma senhora idosa se pôs de pé.
Conforme ela começou a falar, um olhar glorioso transparecia em seu
rosto.

- ‘Ninguém me conhece nesta igreja. Eu nunca estive aqui. Vocês sabem
antes do domingo passado eu não era cristã. Meu marido faleceu a
algum tempo deixando-me totalmente sozinha neste mundo. No domingo
passado, sendo um dia particularmente frio e chuvoso, eu tinha
decidido no meu coração que eu chegaria ao fim da linha, eu não tinha
mais esperança ou vontade de viver.

Então eu peguei uma corda e uma cadeira e subi as escadas para o sótão
da minha casa. Eu amarrei a corda numa madeira no telhado, subi na
cadeira e coloquei a outra ponta da corda em volta do meu pescoço. De
pé naquela cadeira, tão só e de coração partido, eu estava a ponto de
saltar, quando, de repente, o toque da campainha me assustou. Eu
pensei:

-‘Vou esperar um minuto e quem quer que seja irá embora. ‘

Eu esperei e esperei, mas a campainha era insistente; depois a pessoa
que estava tocando também começou a bater bem forte. Eu pensei:

-‘Quem neste mundo pode ser? Ninguém toca a campainha da minha casa ou
vem me visitar. ‘

Eu afrouxei a corda do meu pescoço e segui em direção à porta,
enquanto a campainha soava cada vez mais alta.

Quando eu abri a porta e vi quem era, eu mal pude acreditar, pois na
minha varanda estava o menino mais radiante e angelical que já vi em
minha vida. O seu SORRISO, ah, eu nunca poderia descrevê-lo a vocês!
As palavras que saíam da sua boca fizeram com que o meu coração que
estava morto há muito tempo SALTASSE PARA A VIDA quando ele exclamou
com voz de querubim:,

-‘Senhora, eu só vim aqui para dizer QUE JESUS A AMA MUITO. ‘

Então ele me entregou este folheto que eu agora tenho em minhas mãos.

Conforme aquele anjinho desaparecia no frio e na chuva, eu fechei a
porta e atenciosamente li cada palavra deste folheto.

Então eu subi para o sótão para pegar a minha corda e a cadeira. Eu
não iria precisar mais delas. Vocês vêem – eu agora sou uma FILHA
FELIZ DO REI!!!

Já que o endereço da sua igreja estava no verso deste folheto, eu vim
aqui pessoalmente para dizer OBRIGADO ao anjinho de Deus que no
momento certo livrou a minha alma de uma eternidade no inferno. ‘

Não havia quem não tivesse lágrimas nos olhos na igreja. E quando
gritos de louvor e honra ao REI ecoaram por todo o edifício, o Papai
Pastor desceu do púlpito e foi em direção a primeira fila onde o seu
anjinho estava sentado. Ele tomou o seu filho nos braços e chorou
copiosamente.

Provavelmente nenhuma igreja teve um momento tão glorioso como este e
provavelmente este universo nunca viu um pai tão transbordante de amor
e honra por causa do seu filho…

Exceto um. Este Pai também permitiu que o Seu Filho viesse a um mundo
frio e tenebroso. Ele recebeu o Seu Filho de volta com gozo
indescritível, todo o céu gritou louvores e honra ao Rei, o Pai
assentou o Seu Filho num trono acima de todo principado e potestade e
lhe deu um nome que é acima de todo nome.

Bem aventurados são os olhos que vêem esta mensagem. Não deixe que ela
se perca, leia-a de novo e passe-a adiante.

Lembre-se: a mensagem de Deus pode fazer a diferença na vida de alguém
próximo a você.

Por isso…

- Me perdoe se eu estou perturbando, mas eu só gostaria de dizer que
JESUS TE AMA MUITO e eu vim aqui para lhe entregar o meu último
folheto.

VAMOS PRESTIGIAR? DIAS 15, 16… E 17 DE ABRIL DE 2011 – I FESTIVAL DE FLORES E LIVROS ESP ÍRITAS DE HOLAMBRA – SP

IRMÃOS E AMIGOS, CONTAMOS COM VOCÊS PRO SUCESSO DO EVENTO, E NA DIVULGAÇÃO, SE POSSÍVEL NAS CASAS ONDE FREQUENTAM TAMBÉM, ESPERAMOS POR VOCÊS NA CIDADE DAS FLORES!MUITA PAZ!

I FESTIVAL DE FLORES E LIVROS ESPÍRITAS DE HOLAMBRA – SP

DIAS 15, 16… E 17 DE ABRIL DE 2011

SALÃO DO CLUBE FAZENDA RIBEIRÃO,
MAURÍCIO DE NASSAU, 894, CENTRO, HOLAMBRA

Programação completa:

Abertura:

Dia 15 – Sexta-Feira – FEIRA DE FLORES E LIVROS A PARTIR DAS 18 Horas

Dia 15 – Sexta-Feira- 19 Horas

Palestra musicada: Cantando Por Um Mundo Melhor

Allan Vilches

Dia 16 – Sábado – FEIRA DE FLORES E LIVROS A PARTIR DAS 9 Horas

Dia 16 – Sábado – 16 Horas

Cinema: Exibição do Filme NOSSO LAR

Dia 16 – Sábado – 19 Horas – Abertura

Ana Person

Dia 16 – Sábado – 19 Horas

Palestra – Ditinha Calixto

Tema: Como Superar as Aflições

Dia 17 – Domingo – – FEIRA DE FLORES E LIVROS A PARTIR DAS 9 Horas

Dia 17 – Domingo – 10 Horas

Manhã Musical: Variedades

Sandro Corso

Dia 17 – Domingo – 16 Horas

Palestra: Jeferson Betarello

Tema: Para Conhecer o Espiritismo

DIA 17 – domingo – 17 Horas

Grupo De Teatro Eurípedes Barsanulfo

Peça: Um beija-flor para Francisco

ENTRADA FRANCA

Participe! Venha e traga a família e os amigos!

Informações: sementedeluz151 Fone 19 7806-4456

link abaixo com o mapa do local:
http://www.apontador.com.br/local/sp/holambra/restaurantes/C4059433612D0S2D04/clube_holambra.html

ESPIRITIZAR, QUALIFICAR, HUMANIZAR

sementedeluz151

RENATO PRIETO, o André Luiz de Nosso Lar o filme, em A MORTE É UMA PIADA TEMPORADA ABRIL E MAIO

AGENDA ABRIL E MAIO – Espetáculo A MORTE É UMA PIADA, COM RENATO PRIETO, SYLVIA D´SILVA E ROSANA PENNA

Abril

15/16 e 17 São Luis do Maranhão – contato@outroplaneta.com.br

29/04 Araxá – MG 20/04 Araguari-MG –
1/05 Uberlândia – Mariana – mariana@vivamarketing.com.br

Maio

07 e 08/05 – Itaquera – SP – Cláudia Rolim ccrolim@gmail.com

13 a 22/05 pelo Estado de Goiás – Denise Carrijo – denisecarrijo@bol.com.br

27/28/29/05 Vitória da Conquista/Itapetinga/Itabuna – BA
Antônio Barreto Filho antoniobarretofilho54@gmail.com

“A MORTE É UMA PIADA!”
Uma reflexão bem humorada sobre a morte.
Um tema que sempre nos instiga pela sua natural importância: pra onde vamos? De onde viemos? Qual é a finalidade de estarmos aqui? Você já se perguntou se a vida continua após a morte? Será que estamos nesse mundo apenas de passagem? Será que temos uma missão especial nesse mundo? Se assim for, a morte não acaba sendo uma grande piada?
A peça traz no elenco o ator RENATO PRIETO, o protagonista André Luiz do filme NOSSO LAR, a atriz Rosana Penna e a atriz e cantora Sylvia D Silva. Com humor e leveza, a morte é tratada de forma peculiar levando os espectadores a boas risadas, a reflexão e a emoção em um espetáculo pontuado por músicas de Noel Rosa, Roberto Carlos, Cartola, Milton Nascimento/Fernando Brant, dentre outros.
Em “A MORTE É UMA PIADA!” o espectador ri, se emociona, canta os grandes sucessos e ainda reflete sobre o sentido da vida e da morte.

FICHA TÉCNICA:
Espetáculo: A MORTE É UMA PIADA!
Direção/texto: Cyrano Rosalém
Elenco: Renato Prieto, Rosana Penna e Sylvia D Silva
Figurinista: Anete Cota

Comédia Musical Espírita – AMIGOS DA LUZ – Na Praça dos Girassóis

NA PRAÇA DOS GIRASSÓIS – A história da mediunidade contada e cantada!

Venha se divertir conosco nessa noite de alegria e elevação!

Três espíritos músicos e atrapalhados, um fotógrafo tido como louco, uma vendedora misteriosa, uma portuguesa vaidosa, um guarda casca grossa, uma irmã má, uma história de amor, um texto poético. Isso tudo você só encontra Na Praça dos Girassóis!

Próxima apresentação:

Dia: 30 de abril de 2011 – 19H.

Local: EFRA – Rua Visconde de Sepetiba, 53 – Nova Cidade – São Gonçalo.

(Rua da Casa de Saúde São Silvestre)

Informações: (21) 2725-5605 / 2669-2424 / 7882-6157 id 12*80550

www.amigosdaluz.com

Ingressos à venda: R$ 15,00 (antecipado)

Realização: GEMIL – Grupo Espírita Missionários da Luz e Cia Amigos da Luz

Peço aos companheiros que nos ajude nessa empreitada divulgado aos amigos!

Filipeta em anexo

Link da filipeta: http://amigosdaluz.com/divgemil.jpg

Video Promocional:

Desde já agradeço em nome da Cia todos aqueles que acreditam no nosso trabalho,

Um grande abraço,

Fábio Oliviere – Produção

fabio@amigosdaluz.com

www.amigosdaluz.com

(21)2669-2424 / (21)7882-6157 – ID 12*80550

4 Semana Espírita de Vitória

A Rádio Espírita Capixaba estará transmitindo ao vivo direto da Sociedade de Estudos Espíritas Irmão tomé a 4ª Semana Espírita de Vitória, sempre a partir das 20 horas. de 12 a 16 de abril. Então, se você não pode comparecer para assistir as palestras, poderá assistir pela Rádio.

Acesse:

http://www.radioespirita.net.br/

Vacina

Vacina

Uma das questões que mais atraiu o médico Lucano, conhecido como Lucas, o Evangelista, ao ter contato com a Doutrina de Jesus, foram as curas.

Por ser médico, por conhecer os seus limites, por ter tido experiências de morte de pacientes aos seus cuidados, as curas de Jesus o maravilharam.

Certamente por isso encontramos descrições de inúmeras delas no seu Evangelho.

É ele que nos narra que, entrando Jesus em uma cidade chamada Naim, viu um defunto levado a sepultar.

Filho único de uma viúva. Movido de compaixão, Jesus Se aproximou, tocou no esquife e ordenou: Jovem, Eu te digo, levanta-te.

E o rapaz se sentou e começou a falar. Naturalmente, o jovem não estava morto, mas em sono letárgico.

Jesus também devolveu movimento a muitos paralíticos. Mas, muito mais do que devolver movimentos a membros paralisados, Jesus Se preocupava com a paralisia da alma.

Por isso afirmava que Ele não viera para os sãos, mas para os enfermos. E aos que curava, recomendava: Vai e não tornes a errar para que coisa pior não te aconteça.

Tinha cuidado para que as almas não caíssem em paralisia. Por isso toda Sua pregação é de ação no bem, é de movimento para se melhorar.

Na Terra, conhecemos um extraordinário médico e pesquisador que muito se preocupou para que as pessoas não viessem a ficar paralisadas.

Ele se chamou Albert Sabin e nasceu numa pequena aldeia polonesa, na época pertencente à Rússia. A perseguição russa contra os judeus fez com que sua família emigrasse para os Estados Unidos em 1921.

A adaptação foi difícil em virtude da pobreza. Com a ajuda de um tio, Albert Sabin começou os estudos de Odontologia, mudando depois sua escolha para Medicina.

Tornou-se pesquisador do Instituto Rockfeller de Pesquisas Médicas, onde veio a demonstrar o crescimento do vírus da poliomielite em tecidos humanos. Posteriormente, comprovou a eficácia de uma vacina oral contra o vírus.

Em 1960, após pesquisas conjuntas com cientistas de vários países, a vacina contra a poliomielite foi produzida oficialmente nos Estados Unidos. O doutor Albert Sabin tornou-se conhecido em todo o mundo.

Seu nome foi dado a hospitais, escolas, institutos. Não há quem tenha filhos e não agradeça ao Dr. Albert Sabin, pela vacina contra a poliomielite. A gotinha salvadora.

Em uma de suas várias visitas ao Brasil, recebeu do governo brasileiro, em 1967, a Grã-Cruz do Mérito Nacional.

* * *

Ele libertou crianças da paralisia dos membros. Jesus libertou as criaturas da paralisia da alma.

Por isso, diz ao jovem: Levanta-te!

E ao paralítico: Levanta, toma teu leito e anda!

Ação. Dinamismo. Convite a seguir em frente, sempre em frente.

Jesus é o Divino Médico das nossas almas e nos convida a nos servirmos da vacina contra o mal, abraçando a Sua Doutrina de amor.

Seu é o convite para que O sigamos, não permanecendo estagnados em posições tolas de irreflexão, de vingança.

Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida, Ele nos diz.

Ninguém vai ao Pai senão por mim.

Quem tem ouvidos de ouvir, ouça!

Ouçamo-lO e O sigamos.

Redação do Momento Espírita, com dados biográficos do Dr. Albert Sabin e anotações colhidas no Evangelho de Lucas, cap. 7, versículo 14 e no Evangelho de Marcos, cap. 2, versículos 10 e 11.

Em 11.04.2011.

ut.php?u=&m=1023

Pedimos a sua atenção para o fato de o Momento em Casa não ser um serviço diário.
São enviadas, em média, 3 a 4 mensagens no decorrer da semana. As mensagens do Momento
Espírita também estão disponíveis em cd’s e livros, em www.livrariamundoespirita.com.br.

Se não desejar mais receber nossos textos clique aqui e selecione retirar.

AMANHECER


O Amanhecer…


Olhe o dia amanhecendo e você vai sentir que, em quase tudo, há anjos tecendo o alvorecer.

Uns são raios de sol que vêm descendo, para iluminar o que de bom a gente sonha fazer.
Outros são canções suaves que quando em silêncio, a gente ouve em toda fonte que jorra, em cada onda que bate, em cada sopro de vento, em cada silvo selvagem, em cada bicho que corre, em cada flor ao nascer.

Eles são fontes de energia e proteção, presentes em seus planos,
desejos, vontades, em tudo o que o amanhecer inspira.

Só que é preciso fechar os olhos para ver, e ouvir o coração dizendo que
a gente é como gota d’água, nesse mar imenso do universo, com o
poder infinito de transformar o que é invisível em cores do arco-íris.

Acredite.

Cada manhã dá luz a um novo dia, mas é você quem faz nascer a alegria.

(d.a.)


Boicote ao Filme “As mães de Chico Xavier”

242027286.jpg

Boicote ao Filme "As mães de Chico Xavier"

"O Movimento Nacional da Cidadania Pela Vida – Brasil Sem Aborto, explica que “uma luta em defesa da vida no Brasil um dos grandes adversários sempre foi a mídia, incluindo aí, os grandes Jornais Nacionais.

No caso agora do Filme intitulado "As mães de Chico Xavier" é notório o terrível silêncio de boicote da mídia nacional em razão da FORTE MENSAGEM PRÓ-VIDA, especialmente, no que diz respeito ao ABORTO.

Alguns críticos têm dito aos produtores e divulgadores do filme que este filme é uma peça de publicidade contra a legalização do aborto e, por isso mesmo, afirmam que sua mensagem é moralista, fundamentalista, conservadora e retrógrada.

Essa maneira de pensar não é novidade nenhuma para quem milita na defesa da vida e está acostumado a enfrentar TODOS OS OBSTÁCULOS da grande mídia, que é claramente pró-aborto, servindo desta forma, aos interesses do movimento pela legalização do aborto em nosso país.

O Movimento faz apelo:

Ajude a divulgar esta obra maravilhosa que fortalece a luta pela defesa da vida." http://www.brasilsemaborto.com.br/ http://brasilsemaborto.posterous.com/

O que Chico Xavier espera de nós?

O filme é muito importante num momento de luto e perplexidade, como esse que vivenciamos. http://temporecord.wordpress.com/2011/04/08/o-que-chico-xavier-espera-de-nos-diante-dos-filmes-espiritas/

Quem perde a mãe é órfão, quem perde o marido é viúva, mas quem perde um filho?

Tenho conversado com uma pessoa que perdeu o filho. A mãe lamenta que o Chico não esteja mais junto de nós psicografando para aliviar dores extenuantes, difíceis de nomear. Abençoadas as cartas do artista da mediunidade, aquele que festejamos seu centenário. Mães potencialmente suicidas perceberam que a morte do corpo não mata a vida. http://memoriaespiritual.blogspot.com/2010/12/dano-e-dor-sem-nome.html

Luiz Carlos D. Formiga

asmaesjuntas_novo.JPG

AMIGOS DA LUZ AMANHÃ NA RAMATIS – TIJUCA -19 HS – NA PRAÇA DOS GIRASSÓIS

No Ramatis – Tijuca – RJ.
Não perca essa divertidíssima comédia musical:


Arte & Espiritismo – divulgue essa idéia!
Repasse aos amigos.

A SABEDORIA DO DESAPEGO

A SABEDORIA DO DESAPEGO…

Bom é agir e bom é abster-se da atividade; tanto isto como aquilo conduz à meta suprema. Mas, para o principiante, melhor é agir corretamente. O verdadeiro renunciante é somente aquele que nada deseja e nada recusa, inatingido pelos opostos, tanto no seu agir como no seu desistir; não afetado nem por esperança nem por medo. Os ignorantes tecem teorias sobre o agir e o conhecer, como se se tratasse de duas coisas distintas: mas os sábios estão convencidos de que quem faz isto, não deixa de colher os frutos daquilo.

O reino da quietude que os sábios conquistam pela meditação é também conquistado pelos que praticam ações; sábio é aquele que compreende que essas duas coisas – a consciência mística e a ação prática – são uma só em sua essência. Difícil tarefa, herói, é alcançar o estado de renúncia sem ação e sem que o espírito da fé penetre o coração. O sábio que, pela força da verdade, renuncia a si mesmo, integra-se em Brahman. Esse é puro de coração, forte no bem e senhor de todos os seus sentidos; a sua vida está a serviço da vida de todos, e ele realiza todas as ações sem ser escravizado por nenhuma delas. Porquanto reconhece que não é ele que age, quando vê, ouve ou sente. Pois, quando vê ou ouve, cheira ou come, dorme ou respira, quando abre ou fecha os olhos, quando dá ou recebe ou exerce outro ato sensório qualquer – não são senão seus sentidos que operam com esses objetos externos.

Quem tudo faz sem apego ao resultado dos seus atos faz tudo no espírito de D’eus e, como a flor de lótus, incontaminada pelo lago em que vive, permanece isento do mal. Com todas as forças do espírito, da mente, do coração e do corpo luta o yogui pela purificação de sua alma, sem nada buscar para si mesmo em tudo o que faz. Quem a tudo renuncia, jubiloso, alcança, já agora, a mais alta paz do espírito; mas quem espera vantagem das suas obras é escravizado pelos seus desejos. O sábio que, em corpo terrestre, se libertou do egoísmo, habita, mesmo quando age, no céu da sua paz, na “cidade dos nove portais”; não tem desejos, nem induz outros a terem desejos. O Senhor do Universo não cria a ação nem o impulso de agir, nem o desejo dos frutos da atividade – tudo isso nasce da natureza finita do indivíduo.

O Senhor do Universo não toma sobre si as culpas dos homens, porque está acima de todas as ações, perfeito em si mesmo. Erram os homens por sua própria ignorância, porque a luz da verdade está envolta nas trevas da ilusão. Mas quando as trevas sedem à luz, amanhece o dia, e, assim como o sol em pleno esplendor, revela-se ao Ser Supremo. Quem se integra no Ser Supremo e nele repousa está livre da incerteza e trilha caminho luminoso, do qual não há retorno, porque a luz da verdade o libertou do mal. Quem vive na luz da Verdade vê D’eus em todos os seres. Os que estão firmes na luz da verdade venceram o mundo, já aqui na terra, pela fé na harmonia universal; porquanto Brahman transcende todas as condições da dualidade, habitando na suprema unidade – quem o conhece, repousa em Brahman.

Quem vive firmemente consolidado na consciência de Brahman não sucumbe à alegria, na prosperidade, nem à frustração, na adversidade – mas remonta à claridade sem nuvens e se integra na Divindade. Quem preserva sua alma livre de todas as coisas que vêm de fora realiza o seu verdadeiro EU, atinge a Paz Profunda, a beatitude do verdadeiro ser. As alegrias que brotam do mundo dos sentidos encerram germes de futuras tristezas; vêm e vão; por isso, ó príncipe, não é nelas que o sábio busca a sua felicidade. Feliz é aquele que, durante a vida terrestre, consegue libertar-se dos impulsos que geram paixão e ódio, estabelecendo-se firmemente no espírito da união com D’eus. É ele, na verdade, um santo, que encontra o céu dentro de si mesmo. Todos os que, libertos de ódio e paixões, fortes na humildade e iluminados pela fé, superaram o seu ego humano e realizaram em si o Eu divino, todos eles se aproximaram da verdadeira Paz em D’eus.

O yogui que habita na luz, que se abstém do contato com o mundo dos sentidos, cujo olho espiritual se abriu e cuja respiração espiritual se sintonizou com a respiração corporal. Ele, que repleto da virtude de D’eus, governa o coração e a mente, e, sem egoísmo, anseia pela redenção – esse se libertou de si mesmo e vive na paz eterna, aqui e por toda a parte. Ele sabe, que EU SOU a Essência em todas as Existências; eu, o Imanifesto em todos os Manifestos: eu, a suprema e imutável Realidade em todos os mundos em incessante mutação; eu, refúgio e proteção de todas as criaturas. Quem isto sabe, encontrou a paz…

(d.a.)

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 11.652 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: